Santanews Workwear

PRODUÇÃO TÊXTIL: Características e propriedades dos tecidos

PRODUÇÃO TÊXTIL: Características e propriedades dos tecidos

Os tecidos possuem características e propriedades diferenciadas, que determinam sua qualidade e permitem avaliar a sua adequação à produção têxtil de cada empresa. Reguladas por normas da Associação Brasileira de Normas Técnicas – ABNT – características como gramatura, peso linear, densidade, espessura, ligamento, alongamento, elasticidade, entre outros, foram descritas na cartilha de conservação de tecidos divulgada pela TexBrasil.

Confira, abaixo, uma seleção das principais características e propriedades dos tecidos - que afetam questões como corte, modelagem e encaixe dos moldes, costura, entre outras atividades determinantes para a produção têxtil:

- Gramatura: relação de massa por unidade de área. É expressa em gramas por metro quadrado (ABNT NBR 10591 - Materiais têxteis Determinação da gramatura de superfícies têxteis). A tolerância, segundo a norma, é de ±5%

 

- Gramatura em onças (oz): relação de massa em unidade de massa em onças e a área expressa em jardas quadradas. Para obtê-la, deve-se dividir por 33,953 a gramatura em gramas por metro quadrado (ABNT NBR 10591 - Materiais têxteis - determinação/gramatura de superfícies têxteis). Oz/yd² = g/m² ÷ 33,905

 

- Peso Linear: é uma ótima medida para calcular o comprimento de um tecido num rolo sem a necessidade de desenrolar o material (ABNT NBR 10591- Materiais têxteis - Determinação da gramatura de superfícies têxteis). Peso linear = g/m² x largura do tecido.

 

- Ligamento: forma de entrelaçamento dos fios de urdume e trama. Os básicos são: tela, sarja e cetim. Em tecidos especiais combinam-se vários ligamentos para obter-se efeitos diferenciados. A escolha do tipo de ligamento é muito importante para orientar a forma de costurar a peça (ABNT NBR 12546 - Materiais têxteis - Ligamentos fundamentais de tecidos planos).

 

Densidade de fios no tecido: indica quantos fios foram alinhados por centímetro no tecido para a sua formação. Apresenta-se em fios/cm no urdume e batidas/cm para a trama. Um número menor de fios proporciona tecidos mais abertos e por isso podem oferecer mais frescor, porém deve-se equilibrar com a possibilidade de esgarçamento na costura (ABNT NBR 10588 - Tecidos Planos - Determinação da densidade de fios).

 

- Espessura: indica o quanto mais fino ou mais grosso é o tecido. É uma medida muito importante para determinar a altura do calcador na máquina de costura, permitindo uma boa costura (ABNT NBR 13371 - Materiais têxteis - Determinação da espessura).

 

- Largura: característica importantíssima na definição do encaixe de moldes. A largura é determinada após um período de relaxamento do tecido. Segundo a Portaria CONMETRO nº 1 de 1998 a tolerância é de 2% (ABNT NBR 10589 - Materiais têxteis - Determinação da largura de nãotecidos e tecidos planos).

 

- Comprimento: metragem do tecido que deve ser determinada após o seu relaxamento, segundo a Portaria CONMETRO nº 1 de 1998 a tolerância é de 2% (ABNT NBR 12005 - Materiais têxteis - Determinação do comprimento de tecidos).

 

- Resistência à tração: expressa a força que o tecido suporta até romper-se. É um ensaio realizado no dinamômetro e é muito indicativo da durabilidade do tecido (ABNT NBR 11912 - Materiais têxteis - Determinação da resistência à tração e alongamento de tecidos - tira).

 

- Alongamento: indica o quanto o tecido aumenta sua dimensão até o rompimento no dinamômetro. Também é importante para a costura pois permite a acomodação de espumas e molas, bem como define o comprimento de cortinas (ABNT NBR 11912 - Materiais têxteis - Determinação da resistência à tração e alongamento de tecidos planos - tira).

 

- Elasticidade: capacidade do tecido de alterar suas dimensões mediante uma força e retornar ao tamanho original (ABNT NBR 12960 - Tecido de malha - Determinação da elasticidade e alongamento).

 

- Esgarçamento em costura: ensaio que indica se o tecido tem propensão a abrir-se na costura mediante uma força. É bastante importante porque pode definir se há necessidade de utilizar uma costura mais densa ou um tipo diferente de costura. O limite de esgarçamento na costura é de 6mm, podendo variar por acordo entre partes (ABNT NBR 9925 - Tecido plano - determinação do esgarçamento em uma costura padrão).

Fonte: http://www.texbrasildecor.com.br/imagens/cartilhanova.pdf

PRODUÇÃO TÊXTIL: Características e propriedades dos tecidos

A marca Workland é a nova fornecedora do Grupo ULTRAGAZ

O Grupo ULTRAGAZ realizou o evento Clube de Compras para reunir seus fornecedores e a Workland esteve lá...

PRODUÇÃO TÊXTIL: Características e propriedades dos tecidos

XVI SENABOM - Seminário Nacional de Bombeiros

A Santanense vai marcar presença no Senabom 2016, principal congresso de bombeiros do país...

PRODUÇÃO TÊXTIL: Características e propriedades dos tecidos

SANTANENSE na FISP 2016

Mais uma vez a Santanense se destacou na FISP, sendo um dos stands mais visitados.